brazino777

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
PARÁ PROFISSIONAL

Belém e Ananindeua recebem cursos sobre gestão de resíduos

Por Redação - Agência PA (SECOM)
09/09/2017 00h00

Nesta segunda-feira (11), a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet) dará início a duas turmas do curso “Técnicas de Gestão de Resíduos Sólidos”, por meio do Programa Pará Profissional. No total, foram ofertadas 40 vagas divididas entre os municípios de Ananindeua e Belém. O curso, que se estenderá até o dia 22 de setembro, é ofertado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

A realização do curso também é ação integrante do projeto Utinga Sustentável, coordenado pelo Núcleo de Articulação e Cidadania (NAC), em colaboração com o Instituto Manguezal, sediado no bairro Curió-Utinga, em Belém. O projeto tem o objetivo de implantar pontos de coleta de material reciclável no entorno do Parque, além de ofertar capacitação e acompanhamento de catadores empreendedores que serão responsáveis pela “Rota de Reciclagem” no local. Serão instalados pontos de coleta seletiva em comércios, centros comunitários e escolas, entre outros, onde serão depositados materiais recicláveis gerados pelos estabelecimentos e moradores próximos.

Os catadores empreendedores serão responsáveis pela retirada dos materiais e destinação ambiental adequada, de acordo com cada tipo de lixo - como papelão, alumínio, vidro e outros. A intenção é que eles vendam para empresas que comercializam esse tipo de material, gerando renda e deixando o bairro mais limpo. Além da Sectet, são parceiros do Projeto “Utinga Sustentável” a Prefeitura de Belém e as Secretarias de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster), de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), o Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (Ideflor-Bio) e o CredCidadão.

Pará Profissional - O programa Pará Profissional foi instituído pela Lei no 8.427, de 16 de novembro de 2016, descrito como um dos principais instrumentos de superação das desigualdades interregionais, com a finalidade de ofertar educação profissional e tecnológica nas diversas modalidades, a fim de consolidar, ampliar e verticalizar as cadeias produtivas aos eixos prioritários de desenvolvimento no Estado. A coordenação do programa foi determinada à Sectet.

Serviço: As inscrições para o curso ainda podem ser feitas nos locais onde eles serão ofertados. Em Belém, será no Senai-Cedam (Travessa Mauriti, 3251, esquina com a João Paulo II) e em Ananindeua, na Faculdade da Amazônia – FAAM (BR-316).

(Com informações da Ascom/NAC)

brazino777 Mapa do site