brazino777

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
TURISMO

Programa de Regionalização do Turismo expande ações em territórios turísticos

Por Israel Pegado (SETUR)
04/10/2023 16h38

Uma das estratégias do Ministério do Turismo para integração, estruturação e desenvolvimento sustentável de destinos turísticos brasileiros é o Programa de Regionalização do Turismo (PRT), aproveitando os recursos naturais, culturais e históricos que os municípios de uma determinada região têm a oferecer. O programa é realizado em ações coordenadas e em parceria com os governos estaduais. No Pará, a Secretaria de Estado de Turismo (Setur) é a representante do governo federal para o fomento e fortalecimento das ações de regionalização em território paraense.

No III Seminário de Regionalização do Turismo para os municípios das Regiões Turísticas do Baixo Tapajós e Rio Amazonas realizado pela Setur, entre os dias 26 e 29 de setembro, no município de Belterra, houve a formação de facilitadores para a criação e o planejamento de conselhos municipais de turismo, além da inclusão dos municípios paraenses no Mapa do Turismo Brasileiro, ferramenta de acesso a recursos financeiros das políticas executadas pelo MTur.

“O seminário atende ao Programa Nacional de Regionalização do Turismo, que é uma política pública com enfoque territorial, e o Programa de Regionalização do Turismo (PRT), que é o programa que estrutura e promove a convergência e a interação de todas as ações desempenhadas pelo MTur, com estados e municípios brasileiros”, explica o doutor em Geografia e coordenador do PRT no Pará, Cleber Gomes.

A integração dos municípios de Belterra e Santarém desempenha um papel importante para o fortalecimento da Instância de Governança Regional da Região Turística do Baixo Tapajós. A instância possui um papel importante nesse processo, pois reúne representantes dos setores público, privado e da sociedade civil para coordenar esforços, estabelecer diretrizes e promover a sustentabilidade do turismo na região. Essa colaboração é essencial para garantir que o desenvolvimento do turismo seja feito de maneira responsável, preservando os recursos naturais e culturais, proporcionando benefícios econômicos para as comunidades locais. 

"Em um seminário de regionalização do turismo, reunimos diversas partes interessadas, incluindo representantes do governo, empresários locais, comunidades e especialistas do setor. Esse fórum de discussão e colaboração nos permite identificar os desafios que enfrentamos e, mais importante, encontrar soluções coletivas para superá-los. Além disso, o seminário promove a troca de informações sobre as melhores práticas de gestão turística, o que é essencial para elevar a qualidade da experiência dos visitantes", explica Hugo Almeida, gerente de Estruturação dos Destinos Turísticos.

A integração dos municípios permite a otimização dos recursos e esforços em termos de infraestrutura turística, promoção e desenvolvimento. Isso significa que os investimentos em estradas, transporte, hospedagem e outras comodidades podem ser mais eficientes e direcionados para áreas estratégicas, beneficiando tanto os visitantes quanto aos residentes locais. Técnicos da Setur também apresentaram aos participantes do seminário, as orientações para o uso do SISMAPA e da Plataforma de Inventário Turístico, ferramentas essenciais para o planejamento e gestão do turismo nos municípios.

"Outro aspecto do seminário de regionalização do turismo é a promoção da cooperação entre os municípios de uma região. Ao trabalharmos juntos, podemos criar roteiros turísticos mais completos e atraentes, que incentivam os visitantes a explorar mais do que um único local. Isso beneficia não apenas os turistas, mas também o trade turístico e comunidades locais", completa Hugo Almeida.

O evento contou com a presença do secretário Municipal de Meio Ambiente e Turismo de Belterra, Anderson dos Santos Costa, do secretário Municipal de Turismo de Santarém, Alaércio Cardoso, e do ex prefeito de Belterra, D. Macedo. O representante da Secretaria Municipal de Turismo de Almeirim apresentou toda a documentação necessária para o atendimento dos critérios para a inserção do município da Região Turística do Rio Amazonas no Mapa do Turismo.

Belterra e Santarém estão localizadas em uma região que oferece uma gama diversificada de experiências para os visitantes. Belterra, com sua história ligada à Companhia Ford Industrial do Brasil e seu patrimônio arquitetônico preservado, além de possuir em seu território a Floresta Nacional do Tapajós, e Santarém, com sua localização estratégica na foz do rio Tapajós, possuindo um importante aeroporto e o maior terminal hidroviário da região, além de Alter-do-Chão, importante destino turístico do Brasil.

brazino777 Mapa do site