brazino777

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
EMPREENDEDORISMO

Belém recebe a 3ª edição do MICBR a partir de amanhã (8)

O Mercado das Indústrias Criativas do Brasil é um mega evento de negócios da cultura e que acontece pela primeira vez na Amazônia

Por Iego Rocha (SECULT)
07/11/2023 14h02

A partir desta quarta-feira (8), Belém sedia a terceira edição do Mercado das Indústrias Criativas do Brasil (MICBR), um mega evento de negócios da cultura com programação voltada à promoção dos mercados criativos, e que acontece pela primeira vez na Amazônia. O evento, promovido pelo Ministério da Cultura (MinC) e pela Organização de Estados Ibero-americanos (OEI), ocorre no Hangar Centro de Convenções. O Governo do Estado, através das Secretarias de Cultura (Secult) e de Turismo (Setur), é parceiro na realização. A programação vai até domingo (12), e é gratuita e aberta ao público.

Durante os quatro dias, os participantes poderão participar de rodadas de negócios, atividades de networking, showcases, oficinas, painéis, exposições e feiras, além de prestigiarem diversas atrações artísticas. Entre os destaques, está o show da banda Nação Zumbi, responsável por consolidar o manguebeat na cena musical brasileira. Para a apresentação, o grupo convida Cannibal, expoente do hardcore. Eles se apresentam no sábado (11), a partir das 19h. No mesmo dia se apresentam Mestre Solano e Luê e La Bomba de Tiempo com o Mestre Curica, além do DJ Will Love.

Outro destaque da programação é o espetáculo “Amazônias”, logo na noite de abertura. A apresentação reunirá mais de 50 artistas entre cantores, músicos, bailarinos e artistas visuais. O elenco conta com nomes como Manoel Cordeiro e Gang do Eletro, Aíla, Victor Xamã, DJ Méury, além do grupo UAPI Amazônia Percussiva, formado por dez percussionistas. A ideia é apresentar a identidade amazônida, em uma celebração à diversidade cultural, destacando a importância de valorizar e proteger todas as expressões artísticas e tradicionais.

O último dia de programação (12) será dedicado a uma experiência imersiva para todos os participantes do MICBR, a partir das 9h, no projeto Circular Cidade Velha. Durante todo o domingo, serão visitados diversos espaços que fazem parte do projeto no Centro Histórico de Belém. Também irão ocorrer diversas apresentações de artistas locais, tanto pela tarde quanto pela noite, como já é característica do Circular. A programação, assim como nos outros dias, é aberta ao público. O encerramento ocorre às 21h.

Valorização - Para a secretária de Cultura do Pará, Ursula Vidal, a realização do evento na Amazônia é um indicativo de valorização da região, cada vez mais sob os olhares do Brasil e do mundo. “A realização do MICBR em Belém, pela primeira vez fora do eixo Rio-São Paulo (Estados do sudeste brasileiro), reforça a mudança de prumo estabelecida pelo Governo Federal, garantindo cada vez mais presença e valorização da Amazônia como um polo produtor de cultura e irradiador de articulações políticas”, afirma.

A secretária também destaca as oportunidades geradas pelo evento. “É uma programação ampla, diversificada, que envolve muitos atores da cadeia produtiva da cultura e da arte - da produção ao fomento, da circulação ao mercado comprador, exibidor. É o território das redes de relacionamento e negócios, além de promover encontros culturais nas mesas, nos palcos e na pele da cidade, que estará vibrante e acolhedora com seus visitantes. Estamos muito felizes com esta parceria do MinC com o Governo do Pará”.

Negócios - Nesta edição, a Argentina é o país convidado de honra. O objetivo do evento é fomentar e impulsionar o crescimento dos setores criativos, facilitar a circulação de bens e serviços culturais, estimular a internacionalização da produção cultural nacional e promover a profissionalização dos agentes culturais brasileiros. Além disso, o Mercado reúne empresas, criadores e empreendedores de 15 setores: Áreas Técnicas, Artesanato, Artes Visuais, Audiovisual & Animação, Circo, Dança, Design, Editorial, Gastronomia, Hip Hop, Jogos Eletrônicos, Música, Moda, Museus e Patrimônio e Teatro.

As rodadas de negócios - que são reuniões pré-agendadas com duração de até 25 minutos, nas quais as empresas, empreendedores e profissionais terão a oportunidade de se encontrar e estabelecer conexões comerciais - ocorrem nos dias 9, 10 e 11, sempre de manhã. Os objetivos principais das rodadas de negócios são criar oportunidades de networking e colaboração para impulsionar o crescimento dos negócios. São aguardados cerca de 450 empreendedores e duas mil reuniões de negócios ao longo dos três dias. A estimativa é que sejam gerados 20 milhões de dólares em negócios até o final de 2024, como desdobramento das rodadas de negócios do MICBR 2023.

O MICBR conta com o patrocínio master da Vale e do Instituto Cultural Vale. Também apoiam a iniciativa o Sebrae, o YouTube, a Caixa Econômica Federal (CEF) e o Banco da Amazônia (Basa). A programação das palestras e oficinas é apresentada pela Vale e Instituto Cultural Vale, com apoio do British Council. A Apex-Brasil é parceira nas rodadas de negócios e atividades de formação de redes. A Prefeitura de Belém, por meio da Fundação Cultural de Belém e da Companhia de Desenvolvimento da Região Metropolitana, também apoiam o evento.

A programação completa do MICBR 2023 pode ser consultada aqui

Texto: Amanda Engelke - Ascom/Secult

brazino777 Mapa do site