brazino777

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE

Alunos da rede pública estadual participam da soltura de 25 mil quelônios no Tabuleiro do Embaubal

Até o fim de 2023, a expectativa é que mais de 600 mil filhotes de tartarugas-da-amazônia, tracajás e pitiús, sejam liberados na Unidade de Conservação do Ideflor-Bio

Por Vinícius Leal (IDEFLOR-BIO)
13/12/2023 14h55

Estudantes da rede pública estadual de Altamira e Vitória do Xingu, na região sudoeste paraense, tiveram a oportunidade de vivenciar uma experiência única. Eles participaram do processo de escavação dos ninhos, coleta dos filhotes e da soltura de 25 mil quelônios, entre tartarugas-da-amazônia, tracajás e pitiús, no Refúgio de Vida Silvestre (Revis) Tabuleiro do Embaubal. 

A visita à Unidade de Conservação (UC) do Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-Bio), localizada em Senador José Porfírio, teve como objetivo fomentar entre os alunos das escolas estaduais Padre Eurico e Polivalente, de Altamira, a importância da preservação dos ecossistemas da região.

Com a orientação de biólogos e técnicos especializados, estudantes e professores tiveram a oportunidade de contribuir de forma prática na conservação dos quelônios do rio Xingu. A expectativa é que, até o fim deste ano, mais de 600 mil filhotes das três espécies sejam liberados no local. Por esta razão, a atividade proporcionou a todos uma maior sensibilização acerca da importância dessa área e dos animais para o bioma amazônico.

Aprendizagem - Os alunos destacaram que participar da soltura dos quelônios foi uma oportunidade única de aprendizado e que retornam para suas casas e escolas mais conscientes sobre a necessidade preservar o meio ambiente. Eles puderam vivenciar na prática os desafios e as responsabilidades envolvidos na conservação da biodiversidade.

O presidente do Ideflor-Bio, Nilson Pinto, afirmou que a soltura dos quelônios foi apenas o começo de uma jornada de conscientização e preservação ambiental para esses alunos. “Esperamos que essa experiência inspire outros estudantes e já está em nosso planejamento mais ações como essa sejam feitas, fortalecendo cada vez mais o compromisso com a preservação dos ecossistemas e da biodiversidade amazônica”, enfatizou.

Segundo o técnico em gestão ambiental do Ideflor-Bio, Atilla Melo, o Ideflor-Bio tem buscado promover ações como essa, que envolvam os estudantes e os conscientizem sobre a importância da preservação dos recursos naturais. “Acreditamos que, ao despertar o interesse e a preocupação desde cedo, esses jovens se tornarão agentes ativos na conservação do meio ambiente, contribuindo para o nosso trabalho e, principalmente, para a construção de um futuro sustentável”, frisou o especialista.

Sobre a UC - O Revis Tabuleiro do Embaubal é uma das 28 UCs do Ideflor-Bio, e é uma das maiores áreas de desova de tartarugas-da-amazônia, tracajás e pitiús no mundo. Criada em 2016, a área, com pouco mais de 4 mil hectares, abriga diversas espécies de animais e plantas, sendo um verdadeiro tesouro natural para o Estado do Pará. 

brazino777 Mapa do site