brazino777

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
SAÚDE

Hospital Público Galileu alerta sobre os riscos de acidentes de trânsito

Unidade é referência no atendimento a vítimas de traumas ortopédicos e atende a média de 180 pacientes com este perfil por mês

Por Ascom (Ascom)
07/02/2024 10h54

Referência na recuperação de pacientes com traumas ortopédicos, o Hospital Público Estadual Galileu (HPEG), na Região Metropolitana de Belém, atende uma média de 180 usuários com este perfil por mês.

A unidade se destaca por trabalhar em ações relacionadas à segurança viária para redução de acidentes nas vias públicas, que são as principais causas de internação de seus pacientes, com a média de até 80% das suas internações. Este tipo de acidente pode deixar uma série de sequelas e trazer riscos aos pacientes.

“Dor crônica, limitação física, deficiências permanentes, transtornos emocionais. Tudo isso pode acometer o usuário e impactar na vida social e financeira dele”, ressaltou a diretora técnica da unidade, Isabella Sizo.

Os pacientes com traumas ortopédicos são atendidos pela equipe multiprofissional da instituição e são acompanhados diariamente por esses especialistas. Entre os serviços ofertados pelo Galileu está o acompanhamento psicológico.

“Todos os pacientes passam por avaliação psicológica na admissão e são acompanhados durante toda internação, conforme necessidade individual. Além disso, contamos com uma equipe composta por médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, nutricionistas, terapeutas ocupacionais, odontólogos, assistentes sociais e farmacêuticos, que promove uma assistência completa”, explicou a gestora.

Prevenção – Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), por ano, o Brasil desperdiça 3% do Produto Interno Bruto (PIB), o que vale, em média, cerca de R$220 bilhões, para pagar os custos decorrentes dos acidentes de trânsito. A gravidade dos desastres nas estradas reflete diretamente nos custos médico-hospitalares.

De acordo com a diretora técnica do HPEG, no Pará o custo médio é de R$ 950 por dia com o atendimento ao paciente cirúrgico-ortopédico. E no caso dos acidentes de trânsito, a maioria pode ser evitada, salvaguardando a integridade dos condutores, ciclistas ou pedestres e evitando que eles precisem de uma assistência hospitalar.

Para evitar muitos acidentes, basta a adoção de práticas seguras no trânsito. “Usar capacete, cinto de segurança, obedecer o limite de velocidade, não dirigir alcoolizado, realizar as manutenções preventivas dos veículos, obedecer às leis de trânsito. São ações simples, mas que podem fazer muita diferença para a saúde das pessoas”, afirmou Isabella.

Serviço:

O Hospital Galileu tem o perfil de baixa e média complexidade e funciona como retaguarda cirúrgica para pacientes de traumas ortopédicos, além de atender usuários urológicos e da cirurgia torácica, sendo referência em reconstrução de traquéia.

A unidade tem 104 leitos de internação e, o Serviço de Reconstrução e Alongamento Ósseo, além de realizar cirurgias de traqueia e urológica, como hiperplasia prostática benigna, exclusão renal e triagem com biópsia de próstata.  O HPEG é público e administrado pelo Instituto de Saúde e Social da Amazônia – ISSAA, em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). Fica localizado na avenida Mário Covas, nº 2553.

brazino777 Mapa do site